Oficina Marco Lógico 2007


Em parceria com a Agência de Cooperação da Noruega (Norad) e Rainforest Foundation da Noruega (RFN), a Rede de Cooperação Alternativa Brasil (RCA Brasil) está organizando a Oficina Método Marco Lógico, voltada para as organizações indígenas e indigenistas.

foto CPI/AC
O fortalecimento institucional das associações indígenas e também das indigenistas é fator preponderante para a sustentabilidade das associações, porque amplia suas capacidades de planejamento, gestão, avaliação e transparência, bem como suas capacidades de articulação interinstitucional e atuação em rede, troca de experiências e atuaçãop pró-ativa para a formulação de políticas nas áreas de Educação Indígena, Gestão Ambiental, e tantas outras de interesse comum.

Norad e RFN estão responsáveis pelo aporte dos recursos e também pela coordenação de conteúdo do evento. A RCA Brasil está responsável pela coordenação e preparação logística, além do registro e da difusão do evento.

Objetivos e metodologia da Oficina

O objetivo da Oficina sobre o Método Marco Lógico é capacitar organizações indígenas e indigenistas em técnicas e instrumentos do Método Marco Lógico com vistas a aprimorar a elaboração de planejamentos e a formulação de projetos.

Para tanto, Luciano Padrão foi convidado para preparar e facilitar a Oficina, cuja metodologia deve permitir estruturar os trabalhos de maneira que, em apenas três dias, garantindo forte caráter participativo, seja possível orientar a elaboração de matrizes de planejamento, monitoramento e avaliação baseadas no Método Marco Lógico, e para o uso cotidiano das organizações parceiras.

Participantes convidados

A Oficina Método Marco Lógico foi elaborada prioritariamente para as associações indígenas parceiras de Norad, RFN e RCA Brasil. Assim, participarão do evento dois convidados de cada uma das seguintes associações indígenas:

– Apiz, Associação do Povo Indígena Zoró-Pangyjej
– Atix, Associação Terra Indígena Xingu
– CIR, Conselho Indígena de Roraima
– Conselho das Aldeias Wajãpi – Apina
– Foirn, Federação das organizações indígenas do Rio Negro
– Fórum Paiter, Fórum das Organizações do Povo Paiter Suruí de Rondônia
– Hutukara Associação Yanomami
– Inbrapi, Instituto Indígena Brasileiro para Propriedade Intelectual
– Opiac, Organização dos Professores Indígenas do Acre
– UNI-Tefé, União das Nações Indígenas de Tefé
– Wyti-Catë, Associação dos Povos Timbira do Maranhão e Tocantins

Também estão convidados dois representantes das seguintes organizações indigenistas integrantes da RCA Brasil:

– CCPY, Comissão Pró-Yanomami
– CPI, Comissão Pró-Indio do Acre
– CTI, Centro de Trabalho Indigenista
– Iepé, Instituto de Pesquisa e Formação em Educação Indígena
– ISA, Instituto Socioambiental

Data e Local

foto CPI/AC
A Oficina Método Marco Lógico acontecerá no Centro de Formação Povos da Floresta, em Rio Branco, Acre, nos dias 3 a 6 de setembro de 2007.

0 Comentários

    Deixe um comentário

    2 × dois =

    XHTML: Você pode usar essas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

    Rede de Cooperação Amazônica

    A RCA tem como missão promover a cooperação e troca de conhecimentos, saberes, experiências e capacidades entre as organizações indígenas e indigenistas que a compõem, para fortalecer a autonomia e ampliar a sustentabilidade e bem estar dos povos indígenas no Brasil.